Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Internet evita ida ao supermercado

Mäyjo, 18.12.14

Em Evanston, no Illinois (EUA) basta usar a internet para enviar a lista das compras a uma empresa chamada Peabody LP e 90 minutos depois, no máximo, os produtos estão à porta.

Poupa-se tempo na deslocação ao supermercado, na procura das compras, nas filas das caixas e no final só se paga por este serviço 5% do valor da conta.

Os clientes podem escolher os artigos entre 20 000 catalogados por nomes, categoria, marca ou mesmo receita de cozinha.

As reclamações podem ser apresentadas por correio eletrónico.

Adaptado de Capital, 3 de Setembro de 1996

 

Como podem ver esta "novidade" já não é assim tão nova... 

Nova Iorque vai transformar antigas cabines de telefone em pontos wi-fi gratuitos

Mäyjo, 18.12.14

Nova Iorque vai transformar antigas cabines de telefone em pontos wi-fi gratuitos

Nova Iorque vai transformar as antigas cabines telefónicas pagas – que caíram em desuso com o advento dos telemóveis – em pontos de wi-fi gratuitos em 2015. A medida, que era aguardada há muito, foi aprovada esta semana.

Na primeira fase do programa vão ser convertidas cerca de 500 cabines telefónicas, que não só vão oferecer internet gratuita como chamadas gratuitas para todo o território dos Estados Unidos.

Adicionalmente, a medida – que o mayor de Nova Iorque, Bill de Blasio, caracterizou de “histórica” – vai gerar 100 postos de trabalho a tempo inteiro e cerca de 650 empregos temporários para instalar e fazer a manutenção dos pontos de wi-fi.

“Com a aprovação da proposta para expandir o acesso gratuito de internet de alta velocidade para os nova-iorquinos dos cinco bairros não vamos apenas transformar infra-estruturas telefónicas obsoletas em pontos wi-fi modernos, como também alargar o alcance da banda larga mais rápida a toda a cidade”, afirmou de Blasio, cita o Inhabitat.

A conversão das cabines vai gerar uma receita de cerca de €400 milhões ao longo dos próximos 12 anos, suportada unicamente pelo investimento publicitário e sem qualquer custo para os contribuintes.